Política

Aliados intensificam lobby para que Bolsonaro indique Bretas ao Supremo

Evangélico, Bretas agrada a lideranças religiosas e a alguns integrantes da família Bolsonaro

28/09/2020


Na imagem o juiz da Lava Jato no Rio de Janeiro, Marcelo Bretas

BRASIL 247 – Aliados em comum de Jair Bolsonaro e do juiz Marcelo Bretas, da Lava Jato no Rio de Janeiro, intensificaram nos últimos dias movimentações para que o magistrado seja indicado para a vaga do ministro Celso de Mello no Supremo Tribunal Federal (STF), que deve se aposentar no próximo mês. A informação é da CNN Brasil.

Essa articulação, que inclui senadores e auxiliares presidenciais, aumentou principalmente após o decano da corte anunciar de forma oficial que antecipará sua aposentadoria de 1º de novembro para 13 de outubro deste ano.

Evangélico, Bretas agrada a lideranças religiosas e a alguns integrantes da família Bolsonaro. O juiz foi punido por participar de eventos políticos ao lado de Bolsonaro.

Em julho de 2019, Bolsonaro afirmou que indicaria um ministro “terrivelmente evangélico” para uma vaga no Supremo. “Poderei indicar dois ministros para o Supremo Tribunal Federal [STF]. Um deles será terrivelmente evangélico”, disse.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.