Brasil

Bolsa reage positivamente com especulações sobre novo ministro

28/10/2014


O principal índice da Bovespa avançava mais de 2%o na manhã desta terça-feira, em meio a especulações sobre o futuro ministro da Fazenda, que deve substituir Guido Mantega.

Os papéis da Petrobras avançam mais de 3%, após queda de dois dígitos na véspera, um dia após a reeleição da presidente Dilma Rousseff.

Às 11h52, o Ibovespa ganhava 2,09%, a 51.5566 pontos. O volume financeiro do pregão somava R$ 2,37 bilhões.

As bolsas da Europa e Estados Unidos também estão em alta.

 

As sinalizações na segunda-feira foram mais positivas e sempre há algum crédito para um novo governo, embora no caso de Dilma esse benefício seja bem menor", disse o operador de uma corretora em São Paulo, que pediu para não ter o nome citado.

Entre as indicações bem recebidas no mercado, estão o anúncio por Dilma em entrevista à TV Globo na segunda de que novas medidas econômicas serão tomadas a partir de novembro, depois de um amplo diálogo com setores produtivos e financeiros.

Quanto à substituição na Fazenda, a imprensa tem especulado em torno de nomes como do presidente do Bradesco, Luiz Trabuco, do ex-presidente do Banco Central Henrique Meirelles, do ex-secretário executivo da Fazenda Nelson Barbosa, e o ex-presidente do Banco do Brasil Rossano Maranhão.

"É um movimento de compra de Brasil, com o mercado especulando quem ocupará a Fazenda e esperando um bom nome, ao mesmo tempo que os preços de ativos locais ficaram baratos", disse o gestor Joaquim Kokudai, da Effectus Investimentos.

Também repercutia notícia do jornal O Estado de S.Paulo, de que o governo federal está perto de conceder um reajuste nos preços de combustíveis para a companhia.

A queda do dólar frente ao real, enquanto isso, amparava a correção de baixa em papéis que ocuparam a ponta de alta na véspera, com destaque para o setor de papel e celulose e outras exportadoras, enquanto ajudava Gol.

 

(Do iG)


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.