Brasil

Bolsonaro assina medida provisória que libera R$ 1,9 bilhão para produção de vacina da Covid-19

Crédito extraordinário deve bancara confecção de 100 milhões de doses da chamada 'vacina de Oxford'. Texto já entra em vigor e segue para análise do Congresso

06/08/2020


Na imagem o presidente Jair Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro assinou, em cerimônia no Palácio do Planalto nesta quinta-feira (6), uma medida provisória que libera R$ 1,9 bilhão para viabilizar a produção de 100 milhões de doses da chamada “vacina de Oxford” contra o novo coronavírus.

A abertura desse crédito extraordinário segue agora para análise do Congresso Nacional, que terá até 120 dias para aprová-lo. Por se tratar de uma medida provisória, o dinheiro fica liberado assim que o texto for publicado no “Diário Oficial da União”.

O ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello e a presidente da Fiocruz, Nísia Trindade de Lima, participaram da cerimônia de assinatura.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.