Brasil

OPINIÃO: Consórcio Nordeste se impõe nos primeiros entendimentos de negócios com Europa, mas China é a maior parceira

25/11/2019


Por Walter Santos
Revista NORDESTE

 

A rigor, os governadores do Nordeste assinalaram alguns pontos básicos na primeira série de reuniões de negócios com a Europa, a partir da segurança jurídica ao levarem consigo o Itamaraty e a perspectiva de novos investimentos para o conjunto dos Estados, ao invés do “salve-se quem puder” de antes produzindo quase “carnificina” em busca de dinheiro novo.

 

O aprendizado da missão, contudo, não exclui do processo o fato de que os chineses são os maiores investidores na conjuntura presente, nem ignora o fato de que tudo ainda está no início do processo de construção para produção real de uma Carteira de negócios conjuntos entre Governos e Europa.

 

Mas, independentemente do amuo de adversários históricos nos 9 estados torcendo para dar água no extraordinário processo de exposição e negócios ao conjunto do Nordeste, a missão se impôs como projeto inovador e futurista ao manter a unidade com perspectivas de 2020 em diante.

 

Trocando em miúdos, a primeira fase/teste serviu para comprovar que levando consigo o Itamaraty referendando os entendimentos, o CONSÓRCIO NORDESTE é, de fato, a mais importante novidade negocial e politica com altas perspectivas, sobretudo nesta fase em que o Governo Federal retrai ou nega novos investimentos.
Os governadores acertaram na mosca e precisam avançar.

 

ÁRABES NA MIRA

O governador do Piauí, Wellington Dias, nos garantiu que está em curso entendimentos entre Câmaras de Comercio do mundo árabe com o CONSÓRCIO visando mais e novos investimentos. 2020 registrará primeiros entendimentos.

 

CE-CPLP TAMBÉM NO ALVO

Os governadores do Nordeste receberam do presidente da CP-CPLP Salimo Adbdula (Moçambique) um documento em que solicitam do CONSÓRCIO indicar um representante visando participar de 2 a 4 de dezembro na cidade do Porto de nova conferência de negócios dos Países de língua Portuguesa.

 

O presidente/governador, Rui Costa, ainda não revelou o nome de quem estará representando o CONSÓRCIO.

 

ALTOS INVESTIMENTOS CHINESES

A CCCC, maior construtora da China, confirmou que vai construir a ponte Salvador-Ilha de Itaparica, a ampliação do Porto de São Luis/MA e o Estaleiro na praia de Lucena, na Paraíba. Ainda se dispõe a construir ponte de Cabedelo/Costinha/Lucena.

 

ÚLTIMA
“O olho que existe/é o que vê…”


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.