Nordeste

Cruzes são fincadas em praia do Recife para lembrar mais de 60 mil mortos por Covid-19 no Brasil

Cerca de 180 cruzes foram colocadas na areia da praia de Boa Viagem, nesta quinta-feira (2). Grupo também defende isolamento social e instituições democráticas

02/07/2020


Cruzes foram colocadas na Praia de Voa Viagem, no Recife, em alusão aos 60 mil mortos por Covid-19 no Brasil

G1 PE

Um grupo de ativistas fincou cruzes na praia de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, na manhã desta quinta-feira (2). O ato ocorreu para lembrar que o país ultrapassou a marca de 60 mil mortes de pacientes com Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.

Formado por representantes de sindicatos, de organizações não-governamentais e profissionais de saúde, o grupo levou 180 cruzes para o trecho em frente à Padaria Boa Viagem. Uma bandeira do Brasil com a palavra “democracia” também foi levada para o ato, junto com um cartaz.

De acordo com participantes do ato, a manifestação também busca defender o isolamento social para conter a disseminação do vírus. O grupo também afirma defender a manutenção do Estado Democrático de Direito.

Outro protesto

Em junho, cruzes também foram colocadas como forma de protesto nas areias da praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. Na ocasião, cerca de 40 voluntários cavaram 100 covas rasas. Invasores tentaram destruir as cruzes. O pai de um jovem que morreu de Covid-19 recolocou as cruzes no local.

Coronavírus em Pernambuco

Na quarta-feira (1º), foram confirmados, em Pernambuco, 847 novos casos da Covid-19 e 65 óbitos. Com esse acréscimo, o estado totaliza 59.705 casos confirmados e 4.894 mortes de pacientes com a doença provocada pelo novo coronavírus, números que começaram a ser registrados em março, no início da pandemia.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.