Maranhão

Flávio Dino aponta “fracasso Brasil” na Cúpula do Clima: “A esdrúxula diplomacia como pária mundial foi bem-sucedida”

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) usou suas redes sociais nesta quinta-feira (22) para comentar a “esdrúxula” participação do Brasil na Conferência Mundial do Clima.

 

“O presidente brasileiro ficou no fim da fila dos líderes a discursar. E o presidente dos Estados Unidos não ficou para ouvir. Ou seja, a esdrúxula diplomacia do Brasil como “pária mundial” foi bem-sucedida. Lamento muito. Haveremos de recuperar o nosso protagonismo global”, disse ele.

Saiba mais

Em discurso nesta quinta-feira (22) durante a Conferência do Clima, organizada pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, Jair Bolsonaro não cumprimentou o presidente americano, como fizeram outras chefes de Estado. O chefe da Casa Branca nem assistiu ao pronunciamento de Bolsonaro, que também mentiu sobre o fato de o Brasil liderar combate a mudanças climáticas e chegou a pedir “justa remuneração” por “serviços ambientais” prestados pelo País.

Em sua fala de pouco mais de 3 minutos, Bolsonaro destacou efusivamente um papel que seria central no combate às mudanças climáticas por parte do Brasil, algo que não condiz com a realidade nem com a atual imagem do País no mundo.

“O Brasil está na vanguarda do enfrentamento ao aquecimento global”, disse Bolsonaro. “Determinei o fortalecimento dos órgãos ambientais, duplicando recursos para ações de fiscalização”, acrescentou.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp