Brasil

Foragida até a concessão da prisão domiciliar, esposa de Queiroz aparece em varanda do apartamento

Márcia foi beneficiada com a prisão domiciliar juntamente com o marido, Fabrício Queiroz

14/07/2020


Márcia Queiroz

Antes foragida da polícia, Márcia Oliveira de Aguiar, mulher do ex-assessor Fabrício Queiroz, foi beneficiada com a prisão domiciliar juntamente com o marido. Na manhã desta terça-feira (14), ela apareceu na varanda do apartamento, um dia depois do marido também ter sido flagrado no mesmo local.

Eles cumprem prisão domiciliar, em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio. Ela e Queiroz, ambos ex-assessores de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), tiveram a prisão preventiva decretada em junho, mas foram autorizados pelo presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), João Otávio de Noronha, no último dia 9, a permanecer em casa.

Até ontem, a informação era de que Márcia Oliveira de Aguiar ainda não havia passado pela Secretaria de Administração Penitenciária (SEAP) para colocar sua tornozeleira eletrônica e, portanto, está sem monitoramento. Ela estava foragida desde que seu marido foi preso.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.