Alagoas

Governador de Alagoas vai liberar auxílio alimentação para alunos da rede estadual

De acordo com o governador, o auxílio tem parceria com a Caixa e com a Secretaria de Estado da Educação

27/06/2020


Na imagem o governador de Alagoas, Renan Filho

O governador de Alagoas, Renan Filho (MDB) anunciou em suas redes sociais a liberação do auxílio alimentação para alunos da rede estadual de Alagoas. Segundo o governador, o pagamento deve começar na próxima semana. A autorização foi publicada em uma edição suplementar do Diário Oficial do Estado (DOE).

De acordo com o governador, o auxílio tem parceria com a Caixa e com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Não foram divulgadas as datas para a liberação do pagamento, também não foi informado qual o valor do auxílio.

“Remetam-se os autos à Seduc para as providência cabíveis, ficando a Secretaria de Estado da Educação autorizada a representar o Estado de Alagoas na celebração contrato, devendo, antes do ajuste, juntar os documentos, devidamente atualizados, de regularidade fiscal e trabalhista da empresa pública a ser contratada”, diz o documento.

Ainda segundo Filho, são três rotinas que serão cumpridas para o pagamento:

 • Os alunos que já tem conta poupança aberta o pagamento será libertado a partir da próxima semana;
 • Para os estudantes que não têm conta, eles devem procurar em sua escola, o seu diretor ou gerente regional para resolver a situação dos documentos, pois o governo junto à CAIXA vão abrir as contas para esses estudantes em nome dos seus pais;
 • Aqueles estudantes que são beneficiários do programa Bolsa Família vão receber junto com o cronograma de pagamento do Bolsa Família;
 • Foi assim que a Caixa junto com o Governo do Estado estruturou o programa para que a gente tenha segurança no pagamento, que aqueles que fazem parte da nossa rede recebam, e para que a gente ofereça esse auxílio aos alunos. Nós suamos a camisa para criar um programa novo em Alagoas”, disse Renan Filho;
 • O documento da edição suplementar do DOE diz que houve dispensa de licitação para a contratação direta da empresa Caixa, que vai operacionalizar o programa de Auxílio Alimentação para estudantes da rede estadual.

Confira:


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.