Nordeste

Governo do RN acata recomendação de Comitê e adia 3ª fase de retomada econômica: ‘prudência e cautela’, diz secretário

O secretário de Saúde do Estado, Cipriano Maia, após reunião com a gestora, afirmou a previsão é de que o novo prazo fique para 5 de agosto

27/07/2020


Na imagem o secretário de Saúde do Estado do Rio Grande do Norte, Cipriano Maia

A governadora do Rio Grande do Norte Fátima Bezerra (PT) decidiu acatar a recomendação do Comitê Científico do Estado e suspender a terceira fase de reabertura econômica, prevista para esta quarta-feira (29). O secretário de Saúde do Estado, Cipriano Maia, após reunião com a gestora, afirmou a previsão é de que o novo prazo fique para 5 de agosto.

“O que o comitê, com muita propriedade, tem apontado é que você não tem como ter uma segurança de dados antes de 15 dias de reabertura, porque isso vai se refletir no contágio, na transmissibilidade, no número de pessoas graves que vão demandar leitos nos hospitais e óbitos. De cada 100 pessoas contaminadas, uma pessoa pode morrer, ou no mínimo, de cada 200, uma. Esse é um dado que nos leva a ter muita precaução e cautela”, afirmou.

“Não é pelo fato de estarmos com uma situação favorável de leitos hoje, na maioria das regiões, que nós vamos estar fazendo liberação para ter daqui a 15 dias uma situação de sufoco novamente com risco de perder vida. Mesmo tendo leito de UTI, muita gente está morrendo”, acrescentou o secretário.

O secretário ainda considerou que a abertura de shoppings seria prejudicial e pediu que a capital revise a medida. “Nós achamos que não é uma medida sensata. Os shopping são um lugar de grande aglomeração. Mesmo adotando todos os protocolos de segurança e distanciamento, nós vimos em dois episódios no fim de semana que isso não tem sido respeitado”, considerou.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.