Nordeste

IBGE: Fortaleza ultrapassa Salvador e se torna a maior economia do Nordeste

Os dados, que são relativos ao ano de 2018, apontam que Fortaleza registrou R$ 67 bilhões de riqueza gerada, números que põem a cidade cearense como nona no cenário nacional

Ronnald Casemiro
focus@focus.jor.br

Levantamento divulgado nesta quarta-feira, 16, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que Fortaleza ultrapassou Salvador como a cidade com o maior produto interno bruto (PIB) do Nordeste. Segundo a entidade, a capital cearense está entre os 10 maiores municípios por valor do PIB e representa 1,0% de participação do PIB no Brasil.

Os dados, que são relativos ao ano de 2018, apontam que Fortaleza registrou R$ 67 bilhões de riqueza gerada, números que põem a cidade cearense como nona no cenário nacional. É a primeira vez que Fortaleza aparece como maior riqueza do Nordeste desde 2002, quando a série histórica foi iniciada.

IBGE aponta Fortaleza como a maior economia do Nordeste e a nona do Brasil.

Região Metropolitana

Entre os 30 maiores municípios em relação ao PIB na Região Nordeste, Fortaleza ocupa o primeiro lugar, com uma participação na Grande Região de 6,67%. Já Maracanaú é
o 14º, com uma participação de 1,04%. Caucaia aparece em 29º, com participação de 0,51%.

Com relação a concentrações urbanas, a região de Fortaleza está entre as 10 maiores do país por valor do PIB, somando R$ 90,35 bilhões. A região inclui, além de Fortaleza, os municípios de Maracanaú, Caucaia, Eusébio, Aquiraz, Maranguape, Pacatuba e Itaitinga.

Perfil econômico dos municípios

O estudo revela, ainda, que a administração, defesa, educação e saúde públicas e seguridade social foram as principais atividades econômicas em 149 municípios cearenses. Isso representa 81% de todo o Estado. Nos estados do Acre, Roraima, Amapá, Piauí e Paraíba, bem como no Distrito Federal, esse percentual ultrapassou 90%. No outro extremo, o Estado de São Paulo apresentou apenas 9,6% de suas municipalidades com essa característica.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp