Nordeste

Nelcy Campos Filho vê retorno de Romildo Rolim no BNB como garantia de ética e gestão de resultados no pós-pandemia

Fundador do NIAC avalia retorno de presidente do BNB e projeta resultados

25/06/2020


Por Walter Santos

O empresário Nelcy Campos Filho, sócio Fundador e CEO do Niac Brasil, conselheiro das Associações Comerciais de São Paulo, Rio de Janeiro e Pernambuco, tem opinião formada sobre a novidade anunciada de retorno do executivo Romildo Rolim à frente do Banco do Nordeste (BNB) nesta fase pós-coronavírus assegurando ética e resultados de gestão.

Em entrevista ao site da Revista NORDESTE ele comentou:

NORDESTE – Como o Sr. vê a ascensão do presidente Romildo Rolim na presidência do BNB ?

NELCY – Pelo fato do Romildo Rolim ser um profissional experiente, sério, funcionário de carreira do BNB, valorizará a transparência na gestão respeitando os seus colaboradores internos, as entidades de classes e ao empresariado com resultado singular.

NORDESTE – Que nível de valorização ao talento é maior que a indicação meramente política ?

NELCY – Uma pessoa que já passou por diversos desafios na vida, pautado na transparência e na lealdade, conhecedor das desigualdades sociais, vai conhecer os melhores caminhos através dos recursos constitucionais disponíveis no BNB, para agilizar e viabilizar os projetos técnicos aprovados dinamizar a economia e ajudar o governo federal e governadores, a atingir os objetivos comuns de diminuir a desigualdade social da Região.

NORDESTE – O que os governadores podem esperar do presidente, segundo sua ótica ?

NELCY – Acho que Romildo Rolim já demonstrou a sua experiência no trato com os governadores do Nordeste buscando ajudar a todos na medida do possível, sem entrar no mérito pessoal ou político de cada governante, acredito que o seu compromisso é com o Nordeste e as orientações do Ministro Paulo Guedes.

NORDESTE – Enfim o que esperar no pós-pandemia ?

NELCY – O mundo mudou a lógica e pela nossa cultura aqui no Nordeste, vamos ficar mais solidários para transformar este ambiente de crise em oportunidades para todos, o Banco do Nordeste vai ter um papel importante, e pode criar incentivos aos projetos para valorizar os empreendedores e os jovens do primeiro emprego, valorizar empresas que se preocupam com o aperfeiçoamento profissional, acredito que o Governo Federal vai ter um novo olhar para apoiar a Região.

NORDESTE – E a reascensão em si?

NELCY – O momento é de total união e de preparação para os novos desafios, só conseguiremos enxergar o horizonte se tivermos determinação e liderança hoje, o caminho da Inovação & Tecnologia é irreversível para diminuirmos os custos e agilizarmos os processos, Romildo Rolim vem preparando o Banco do Nordeste nesta direção.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.