menu

Brasil

23/05/2014


83% dos municípios cearenses estão em situação de emergência

CEARÁ

O Ministério da Integração Nacional divulgou que 152 municípios cearenses estão em estado de emergência por conta da seca que afeta o Ceará. A quantidade equivale a 83% dos municípios do Estado.

A situação de emergência no Ceará levou em consideração o estudo realizado pelo Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden). Entre as 152 cidades cearenses, estão os municípios de Aracati, Caucaia, Limoeiro do Norte, Maranguape, Quixadá e São Gonaçalo do Amarante.

As informações foram divulgadas na portaria de Nº 147, publicada na última quinta-feira, 22, no Diário Oficial da União. Além das 152 cidades Ceará, 53 municípios de Pernambuco e 183 de Paraíba estão em estado de emergência por conta de estiagem.

De acordo com o Ministério, o reconhecimento da situação de emergência agiliza os trâmites para que as cidades recebam ajuda federal de assistência às vítimas de desastres naturais e outras ações emergenciais.

A seca ou estiagem é um fenômeno climático causado pela falta de chuvas, mas existe uma pequena diferença entre seca e estiagem, pois estiagem é o fenômeno que ocorre num intervalo de tempo em uma região, já a seca é permanente. 

Notícias relacionadas