menu

Bahia

03/06/2015


ACM Neto libera nesta quarta o metrô da avenida Paralela

Prefeitura de Salvador e governo do estado bateram o martelo sobre a construção da linha 2 do metrô na Paralela, e ACM Neto vai assinar nesta quarta-feira, 3, o alvará liberando a obra.

Segundo Neto, todos os ajustes foram feitos de forma a causar o mínimo de transtornos possível durante a obra e também pensando no pós-obra:

– É uma obra importante para a cidade, mas também temos que nos preocupar agora com o que vamos deixar para o futuro. Foi nessa linha que nos entendemos.

O lado paisagístico foi amplamente discutido. A ideia é desfigurar o mínimo a paisagem atual e buscar compensações atenuantes. Pelo acordo, o governo se comprometeu a construir na Paralela dois viadutos para retorno, além de uma passagem subterrânea, com o mesmo propósito.

No gargalo – O início da Paralela também vai sofrer mudanças. As pistas serão alargadas nos dois lados. No sentido aeroporto, a ampliação será na área do Hospital Sarah Kubitschek.

No sentido centro, de uma área ainda livre da ladeira dos Pernambués até as imediações da Madeireira Brotas. O local é o grande gargalo da Paralela hoje. O metrô vai passar nas pistas exclusivas para ônibus hoje debaixo do viaduto Nelson Daiha. O alargamento vai tentar compensar.

Na cola da FBF

No embalo da prisão de José Maria Marin, ex-presidente da CBF, e da renúncia de Joseph Blatter na presidência da Fifa, a secção baiana da OAB protocolou ofício na Federação Baiana de Futebol (FBF) pedindo ao presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues Gomes, os contratos da entidade com a CBF, Fifa e a empresa Traffic Sports nos últimos dois anos. O pedido foi feito com base na Lei de Acesso à Informação.

Traffic Sports é a empresa de J. Hawilla, o empresário brasileiro preso nos EUA que delatou o esquema do rebuliço.

Na Copa, ela andou na Fonte Nova.

Indícios – O ofício foi assinado pelo presidente da OAB-BA, Luiz Viana Queiroz, e pelo presidente da Comissão de Combate à Corrupção, Domingo Arjones.

Arjones diz que há indícios de irregularidades também no futebol baiano.

"Melhor notícia dos últimos tempos! A renúncia de Joseph Blatter ao cargo de presidente da Fifa representa o início de uma nova era para o futebol mundial. Todos os gestores corruptos das confederações, mundo afora, sentirão sua queda como um tsunami"

Romário, ex-jogador e senador do PSB pelo Rio, falando sobre a renúncia de Joseph Blatter

PPP caipira

Rui Costa foi ontem à abertura da Bahia Farm Show, em Luís Eduardo Magalhães, e ganhou a viagem. Fez acordo com os produtores do oeste baiano para resolver o problema das estradas, a grande queixa lá.

Eles entram com as máquinas e o governo bota o asfalto. O acordo está carimbado.

Noutro lance, o governo vai doar um helicóptero para o policiamento e os produtores vão construir a base aérea.

Aluguel marginal

Funcionários da Codesal que foram ao Barro Branco, na San Martin, onde 12 pessoas morreram soterradas no fim de abril, cadastrar moradores de áreas de risco para receber o auxílio-aluguel (benefício emergencial criado pela prefeitura) se depararam com um problema inusitado. Marginais que moram na área deram a ordem: lá só seria cadastrado quem eles indicassem.

Os técnicos tremeram na base.

SOS polícia – Informado do fato, ACM Neto chamou a polícia. Ou melhor, pediu apoio ao secretário Maurício Barbosa (Segurança Pública). O cadastramento foi feito com os técnicos sob forte proteção policial.

Dúvidas eleitorais

O TRE baiano marcou novas eleições para prefeito em Terra Nova e Presidente Tancredo Neves, ambas a serem realizadas dia 14 próximo. Daí, dois fatos curiosos.

Hélio Vinhas (PMDB), presidente da Câmara e prefeito interino de Terra Nova, recorreu ao TSE pedindo que a eleição fosse indireta. O ministro Tarcísio Meira de Carvalho Neto deu liminar e o pleito está suspenso.

Em Tancredo Neves, Valdemir de Jesus (PT), também presidente da Câmara e prefeito interino, fez o mesmo pedido, e a juíza Maria Thereza Rocha de Assis negou.

Se a lei é a mesma, dá para entender?

Velho Chico na UTI

Hoje, Dia Nacional em Defesa do Velho Chico, o senador Otto Alencar (PSD), presidente da Comissão do Meio Ambiente do Senado, faz o alerta: a Barragem de Sobradinho está com 18% de sua capacidade e estima-se que em setembro, pela primeira vez na história, vai usar o volume morto.

– Eu já disse à presidente Dilma, se algo não for feito já, não vai ser no seu governo, mas num futuro próximo vão colocar a placa lá: Aqui jazz o rio São Francisco.

Riacho do Navio – Otto diz que o último afluente do Velho Chico ainda vivo é o rio Grande, em Barra:

– Daí em diante ele corre 850 km sem receber água. Lembra do Pajeú, aquele que Luiz Gonzaga cita na música Riacho do Navio? Está entre os mortos.

Braskem ajuda – O encontro com Dilma foi no dia 23 de abril, presentes os ministros Jaques Wagner (Defesa), Isabela Teixeira (Meio Ambiente) e Gilberto Occhi (Integração). A Braskem, que tem um viveiro de mudas de plantas no Polo de Camaçari, diz que vai ajudar.

Apesar da crise, Dilma prometeu elaborar um projeto e encarar a situação.

Morte anunciada – Em palestra no último dia 27 na Assembleia de Minas Gerais, João Alves Filho, prefeito de Aracaju, apresentou uma série de dados para dar o vaticínio funesto: o São Francisco vai morrer dentro de um ano.

POUCAS & BOAS

Levi Dias, ex-prefeito de Campo Alegre de Lourdes, foi condenado pelo juiz Dario Gurgel Castro a dois anos e meio de prisão porque na eleição de 2008 ofereceu R$ 500 para uma família votar nele.
O pessoal das letras está triste de dar dó. A Fagga, empresa que de dois em dois realiza a Bienal do Livro da Bahia, já anunciou que a XII Edição, que deveria acontecer este ano, foi adiada para 2016. Motivo: a falta de condições do Pavilhão de Feiras do Centro de Convenções.
O Call Center da Codesal registrou em maio 8.502 ocorrências, um recorde, decorrência da chuvarada em Salvador. O detalhe é que no meio da agonia ainda há quem brinque. Parte foi trote.

 

Coluna de Levi Vasconcelos

A Tarde

Notícias relacionadas