menu

Internacional

17/04/2015


Aiea inicia nova missão para analisar situação de Fukushima

Uma equipe de peritos da Agência Internacional da Energia Atômica (Aiea) iniciou hoje (17), no Japão, uma nova avaliação da situação na Central Nuclear de Fukushima sobre a gestão dos resíduos radioativos.

A missão vai continuar no país asiático até terça-feira (21) para analisar a forma como o governo japonês e a operadora da fábrica – a Tokyo Electric Power (Tepco) – estão lidando com os principais problemas do processo de desmonte da central e da acumulação de água contaminada, informou a Aiea em comunicado.

A visita é a segunda feita este ano. A primeira ocorreu em fevereiro, a pedido do governo japonês.

O Executivo solicitou à missão explicações adicionais sobre as medidas tomadas quanto à água contaminada, incluindo a da chuva, e sobre os esforços da Tepco para melhorar a comunicação com o público, informou a agência.

Em 11 de março de 2011, um tremor de magnitude 9, seguido de tsunami, devastou o Nordeste do Japão, deixando mais de 18 mil mortos e desaparecidos e provocando grave crise nuclear.

 

Agência Brasil

Notícias relacionadas