menu

Brasil

15/09/2014


Ao menos oito secretários reforçam campanha de Camilo

Ceará

O secretário do Turismo de Fortaleza, Salmito Filho (Pros), é o mais novo nome na lista de integrantes da Prefeitura e do Governo que, nas últimas semanas, se licenciaram ou usam as férias para trabalhar por Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB), candidatos que polarizam a disputa pelo Palácio da Abolição.

“Peguei minhas férias, a que tenho direito, para me dedicar mais, porque eu estava participando da campanha do Camilo só à noite e nos fins de semana”, disse Salmito, de folga desde a última quarta-feira. Na tarde/noite de quinta, junto com o governador Cid Gomes (Pros), ele participou de adesivaço no cruzamento das avenidas Domingos Olímpio e Aguanambi.


Reforços

Dois auxiliares do núcleo decisório imediato do prefeito Roberto Cláudio (Pros) já haviam tirado férias, no fim de agosto, para assumir funções na equipe de Camilo. Prisco Bezerra, irmão e secretário de governo do prefeito, e Francisco Queiroz Maia, chefe de gabinete, estão coordenando a campanha em Fortaleza. Os dois tiveram papel de destaque na campanha de Cláudio, em 2012.

A equipe de Camilo conta ainda com João Pupo e Élcio Batista. Pupo, advogado que trabalhou como assessor jurídico da coligação de Cláudio em 2012, deixou o cargo de secretário de Conservação e Serviços Públicos. Élcio tirou licença da Secretaria da Juventude para coordenar o programa de governo do petista, mesma tarefa que exerceu na campanha de 2012.

Camilo também ganhou reforço de pessoal oriundo da administração estadual. O deputado Nelson Martins (PT) deixou a Secretaria de Desenvolvimento Agrário, no começo de agosto, disposto a “ajudar no que puder”, como disse então.

Danilo Serpa, presidente estadual do Pros, saiu da chefia de gabinete de Cid em julho para trabalhar na coordenação da campanha. Com o mesmo fim, Quintino Vieira deixou o cargo de superintendente do Departamento de Arquitetura e Engenharia (DAE).

Do lado de Eunício, o vice-prefeito Gaudêncio Lucena (PMDB) licenciou-se em agosto para se dedicar à coordenação geral da campanha do correligionário. Também ajudam Eunício os ex-secretários do governo que foram indicados por ele e, em maio, entregaram os cargos: César Pinheiro, João Melo, Bruno Sarmento e Aloísio Carvalho.

(O Povo Online)

Notícias relacionadas