menu

Ceará

27/05/2015


Após reunião com ministro, Camilo consegue liberação de R$25 milhões

O governador Camilo Santana (PT) anunciou, através de sua página no Facebook, que, após reunião com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, o governo federal deve liberar cerca de R$25 milhões para ressarcir Estados e municípios por gastos na área que caberiam à União. O valor é pouco mais de 10% do total de R$236 milhões que o Palácio da Abolição buscava. O governador disse que também esteve reunido com representantes do ministério para resolver "outras pendências", sem especificar quais. Camilo também tenta em Brasília elevar o teto dos repasses federais para atendendimentos de média e alta complexidade.

Os repasses federais tem sido uma queixa constante de Camilo desde que foi eleito governador. De acordo com o petista, o volume das verbas oriundas de Brasília não acompanhou a expansão da rede de atendimento do Estado, que acabou sobrecarregado. Camilo defende inclusive a criação de um tributo exclusivo para a saúde, como deveria ter sido a CPMF. A proposta chegou a ser abraçada pelo ex-ministro das Relações Institucionais, Ricardo Berzoini (PT). Entretanto, a reforma ministerial acabou fazendo as negociações desandarem.

COMPANHIAS

Acompanharam o governador na reunião o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (Pros), os secretários da Saúde, Henrique Javi, e da Fazenda, Mauro Filho (Pros) e os deputados federais José Guimarães (PT) e Odorico Monteiro (PT). Este é, aliás, um dos cotados para assumir a pasta da Saúde no Ceará com a saída de Carlile Lavor, que deixou a secretaria no dia 11, em meio a crise na pasta.

O Povo

Notícias relacionadas