menu

Brasil

29/11/2013


Black Friday 2013: veja as pegadinhas e falsos descontos nas grandes lojas

PROMOÇÕES

Os filtros para barrar a maquiagem de preços são a grande novidade da Black Friday este ano, lançados por sites comparadores de preços e startups que desenvolvem aplicativos. Mas será que eles realmente funcionam?

O iG resolveu testar a ferramenta do aplicativo Baixou Agora nesta sexta-feira (29), nos sites dos principais varejistas e constatou: o histórico de preços apontado no gráfico, com as últimas atualizações de valores, nem sempre bate com o que a loja está ofertando.

Na maior parte dos casos, os descontos são reais, mas bem menores que o valor anunciado. Em outros, o item anunciado como oferta fica mais caro no comparativo mostrado pela ferramenta.

Questionado sobre se a ferramenta poderia ter alguma imprecisão, o criador do aplicativo, Patrick Nogueira, negou a possibilidade. A ferramenta só funciona entrando no site próprio dos varejistas.

"Nosso aplicativo sempre mostra o preço real que o usuário pagaria. Infelizmente não podemos confiar no 'De: x, Para: x', pois ele é sempre manipulado pela loja para mostrar que o desconto é maior", explica Nogueira.

Outra pegadinha: grande parte dos produtos apareciam como novos no estoque das lojas, "especialmente para a Black Friday", mostrando um gráfico sem o histórico dos preços. Mas em alguns casos, como nas Casas Bahia e Ponto Frio, o aplicativo mostra uma oscilação de preços bem definida nos meses anteriores.

Selecionamos apenas os produtos que participam da promoção. Confira alguns casos:

Extra

Uma impressora HP jato de tinta foi anunciada na manhã de hoje (29) no site do Extra por R$ 699,00, sem informar qual o desconto ou o preço anterior. O produto estava identificado nas promoções da Black Friday, mas o aplicativo do Baixou Agora mostrava que os dois últimos preços da impressora estavam mais baratos na loja: em 12 de setembro, o produto custava R$ 539,04, uma vantagem de 22% em relação ao preço atual.

Ponto Frio

A rede anuniciou nesta manhã um desconto de R$ 500 em um Notebook Sansung ATIV. No site do Ponto Frio, ele era anunciado de R$ 3.149,00 por R$ 2.649,00. Mas o gráfico com as últimas atualizações de preços do produto mostrava outra história: o notebook nunca custou R$ 3.149,00 nas últimas cinco mudanças de valor, e o preço anterior era mais baixo que o anunciado no dia da promoção: R$ 2.399,00 em 19 de setembro.

Casas Bahia

A rede de varejo anunciou uma máquina de lavar roupa da marca Consul, de 11 quilos, de R$ 1.699.90 por R$ 844,33, um desconto de quase 50% no produto. Mas ao consultar o gráfico de preços do Baixou Agora, o preço anterior ao promocional era de R$ 1.189,90. Um desconto bem menor do que o anunciado, portanto.


Submarino

No site da rede, encontramos valores que batiam com o desconto anunciado, mas em alguns casos houve discrepâncias. Foi o caso de um jogo de panelas Tramontina com 13 peças: anunciado no site de R$ 289,90 por R$ 159,90, um desconto de 44%. Contudo, o histório de preços do aplicativo mostrou que o último preço do produto era de R$ 249,90 em 3 de outubro. O desconto real, de acordo com a ferramenta, é de 36%.

Walmart

Uma TV de plasma 3D da marca Samsung, de 43 polegadas, aparecia no site do Walmart com desconto de 27%: de R$ 2199,00 por R$ 1.588,20. Mas o gráfico de preços mostra que na última atualização do produto, em 9 de outubro, ele custava R$ 1.698,00. O desconto real, segundo o aplicativo, seria de apenas 6,4%.

 

iG

Notícias relacionadas