menu

Brasil

29/05/2014


BNDES apoia restauro de igreja símbolo do barroco de São Paulo

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) contratou apoio financeiro de R$ 3,3 milhões para restauração dos bens móveis e integrados da Igreja Matriz Nossa Senhora da Candelária de Itu, em São Paulo. Os recursos são não reembolsáveis e destinam-se ao Museu a Céu Aberto (MCA), uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) que ficará responsável pelo projeto.
A Candelária de Itu possui em seu interior exemplares representativos da talha paulista realizados entre os séculos 17 e 19 e que, atualmente, encontram-se deteriorados. O objetivo é recuperar altares, tetos e cimalhas, tribunas, pinturas artísticas, imagens e móveis, de forma a resgatar suas características plásticas e estéticas.
Considerada a maior e mais importante igreja barroca no Estado de São Paulo, a Matriz Nossa Senhora da Candelária é tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e integra o centro histórico da Estância de Itu, junto com o Convento da Ordem Terceira de Nossa Senhora do Carmo.
O projeto apoiado pelo BNDES inclui ainda o programa “Agentes Históricos”, que prevê a formação e capacitação de pelo menos 30 guias turísticos para atuação nesse centro histórico, selecionados dentre estudantes da rede pública ou adultos já vinculados à área de restauro.  

Notícias relacionadas