menu

Bahia

23/03/2020


Bolsonaro retarda repasses a hospitais da Bahia e governador fala em ‘perseguição política’

Bahia Noticias

por Matheus Caldas

O governador Rui Costa (PT) cobrou ao Ministério da Saúde o credenciamento de hospitais estaduais. De acordo com o gestor estadual, unidades hospitalares do estado estão sem receber aporte do governo federal, o que, em 2019, totalizou uma ausência de R$ 260 milhões em investimentos. 

Para o petista,  o governo Bolsonaro faz “perseguição política” ao não repassar os recursos. “O governo federal não está mandando um real sequer para esses hospitais. É um hospital do SUS atendendo gratuitamente, agora o Ministério da Saúde não os credenciou. Portanto, o governo do estado está bancando sozinho, sem nenhum ajuda federal, esses hospitais. É um absurdo e um escândalo. Num momento de crise como esse, você ficar fazendo politicagem e perseguição política aos estados e ao povo e sem repassar esses recursos”, disse nesta segunda-feira (23), em entrevista ao TVE Revista, da TVE.

Rui citou os exemplos dos hospitais da Costa do Cacau e da Chapada.

“Eu reitero aqui que é preciso que o governo federal tome atitude séria, deixe a politicagem de lado e vamos cuidar das vidas humanas e das pessoas. Estamos reiterando ao Ministério da Saúde que faça imediatamente o credenciamento dos hospitais para passar recursos”, afirmou. 

Notícias relacionadas