menu

Brasil

25/04/2014


Câmara cassa Reginaldo Pereira por unanimidade

Paraíba

A Câmara Municipal de Santa Rita aprovou hoje, em sessão especial, o processo de cassação do prefeito Reginaldo Pereira. Ele está sendo investigado por suspeita de nepotismo e irregularidades na gestão e foi afastado do cargo há cerca de um mês. Segundo informações da Rádio CBN João Pessoa, o prefeito Reginaldo Pereira recebeu a notificação avisando-o sobre a sessão de hoje. O vereador João Junior, relator da Comissão Processual, deu início à sessão, na qual, 18 vereadores compareceram ao plenário para votação. O vereador Flávio Pereira não foi a sessão. A cada voto a favor da cassação, os moradores da cidade e os demais presentes na sessão, aplaudiam com entusiasmo.

O resultado foi a cassação do prefeito pela unanimidade dos vereadores presente, ou seja, 18 votos a 0. O gestor tem sido investigado por suspeita de nepotismo, descumprimento de planos de cargos, carreiras e remuneração, improbidade administrativa por conta de irregularidades em uma licitação referente à coleta de lixo e por ausentar-se da cidade sem informar ao vice-prefeito e à Câmara Municipal. Durante esta manhã, em entrevista à Rádio CBN João Pessoa, o vice-prefeito em exercício da cidade de Santa Rita, Severino Alves (Netinho de Várzea Nova), disse que lamenta o momento pelo qual passa a cidade. “Eu não imaginava que o começo da administração fosse tão desastroso, infelizmente. Isso prejudica claramente o crescimento da cidade. O prefeito Reginaldo teve uma rejeição de mais de 90 % em menos de um ano de gestão, eu fiquei abismado com essa situação”.

Netinho assume o comando da cidade em definitivo já na tarde desta sexta-feira. Sobre o relatório que prevê a cassação de Reginaldo Pereira, Netinho disse que a relatoria acolheu as denúncias. “O relatório foi lido antes, o pessoal já tinha conhecimento da parte legal e o relator escolheu pelo acolhimento das denúncias, no qual, foram ouvidas todas as partes, bem como, foi dado também amplo direito de defesa”, enfatizou.

Quando indagado sobre o domínio do governo municipal, Netinho disse que exerce a função no cargo com plenitude, respaldado pelo pela justiça e pelo povo. “O povo é vigilante, eles querem ver a mudança e minhas atitudes positivas na prefeitura”, ressaltou. Netinho de Várzea Nova disse ainda que a condição de prefeito da cidade é comandada com total responsabilidade e que a principal reivindicação do povo de Santa Rita é resolver os problemas na área da saúde.
Em breve mais informações sobre a cassação do prefeito Reginaldo Pereira na Câmara Municipal de Santa Rita. 

WSCOM Online

Notícias relacionadas