menu

Ceará

26/10/2016


Camilo cobra retomada da transposição do São Francisco

 O governador Camilo Santana se reuniu nesta terça-feira (25), em Brasília, com o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, e o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), Aroldo Cedraz. Em discussão, a situação hídrica do Ceará e a importância da retomada imediata das obras da Transposição do Rio São Francisco. "Necessitamos de agilidade no retorno dessas obras que estão paralisadas, justamente no trecho entre Pernambuco e Ceará. Já estamos no quinto ano consecutivo de seca e não temos garantia de que teremos uma boa quadra chuvosa", citou o governador, que ainda participou de encontro com a diretoria da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert).

O ministro da Integração Nacional se comprometeu a discutir a situação das obras da transposição com o presidente da República. "Viemos aqui sensibilizar o ministro, que está disposto a colaborar, trabalhando a nova licitação. Mas nosso receio é o tempo para garantir o abastecimento de água a população em 2017", disse Camilo Santana, que estava acompanhado do secretário dos Recursos Hídricos, Francisco Teixeira, e do deputado federal Danilo Forte.

Já o presidente do TCU, Aroldo Cedraz, mostrou-se sensibilizado com a situação hídrica do Estado e marcará uma reunião em conjunto com o Ministério da Integração Nacional e o Governo do Estado para tratar sobre a licitação das obras da Transposição do São Francisco. O encontro contou com a presença dos deputados Leônidas Cristino, Chico Lopes, André Figueiredo, Gorete Pereira, Odorico Monteiro, Zé Airton Cirilo e Anibal Gomes.

Abert

Camilo Santana participou, ainda, de audiência com a diretoria da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert) para tratar sobre o momento atual da comunicação e apresentar a situação hídrica do Ceará. "Agradeço a Abert pela recepção, pois queremos também sensibilizar a opinião pública da necessidade, urgente, que essa obra (transposição) seja retomada para evitar que cearenses, e irmãos nossos nordestinos, passem por mais dificuldades. Estamos pedindo o apoio das emissoras de rádio e televisão para que possam colaborar nesse projeto importante da transposição", disse o governador.

Notícias relacionadas