menu

Brasil

21/03/2014


Candidatos do DEM reforçam prioridade à proporcional

Rio Grande do Norte

Candidatos à reeleição e estreantes no pleito da disputa estadual filiados ao Democratas concordam com a tese da prioridade para eleição proporcional, mas não descartam a candidatura à reeleição da governadora Rosalba Ciarlini. O deputado estadual José Adécio endossou a defesa do senador José Agripino Maia (DEM), feita na edição do último domingo da TRIBUNA DO NORTE, que destacou a prioridade para eleição proporcional. “Essa prioridade para eleição proporcional, os deputados, estaduais ou federais, sem demagogia ou hipocrisia, desejam. É natural, normal e verdadeiro”, disse o parlamentar, chamando atenção também que o fortalecimento da chapa depende de uma “candidatura própria que possa ajudar a somar para a campanha”.

Já sobre a candidatura à reeleição da governadora Rosalba Ciarlini, José Adécio foi cauteloso: “Ela (Rosalba Ciarlini) é que deve dizer se é ou não candidata. Fica difícil falar outra coisa, é uma questão dela”. Questionado se o tempo da definição da chefe do Executivo não seria agora, já que as chapas de oposição estão também em fase de fechamento, José Adécio disse que era “questão de foro íntimo da governadora”.

O deputado estadual também comentou sobre a declaração do senador José Agripino Maia que confirmou estar conversando sobre aliança proporcional com o PMDB, PR e PROS. “Sou um homem de partido, seguirei a orientação que o partido tomar sem pestanejar”, comentou.

Ex-prefeito de Pau dos Ferros e atual secretário estadual de Recursos Hídricos, Leonardo Rego se descincompatibilizará do cargo para ser candidato no pleito deste ano. Ele ainda não confirma a postulação, mas provavelmente será a deputado estadual. O político concorda com a tese da prioridade à proporcional, mas disse que essa estratégia não entra em choque com a possibilidade de reeleição da governadora Rosalba Ciarlini.

Tribuna do Norte

Notícias relacionadas