menu

Internacional

31/10/2019


China expõe força crescente dos BRICS e defende nova tática na Mídia para evitar distorções da narrativa Ocidental

Por Walter Santos

O editor chefe da Agência de Noticias Xinhua, da China, He Ping, apresentou nesta quarta-feira pela manhã, durante o segundo dia do 4o Fórum de Imprensa dos BRICS, em São Paulo, um conjunto de números e valores do Bloco em nivel global apontando para crescimento continuado, mas observou que se faz preciso adotar cooperação de midia entre os países visando reposicionar distorções comuns na cobertura da midia ocidental sobre as diversas nações do bloco.

He Ping confirmou presença do presidente da China, Xi Jiping, na reunião de cúpulas do BRICS em Brasilia e, em seu discurso, lembrou que o bloco já representa 50% do crescimento mundial e conviver com ascensão coletiva dos países de forma crescente.

A QUESTÃO DA MIDIA – O dirigente defendeu a imediata adoção de estratégias de cooperação no campo da midia, razão do quarto Fórum, sobretudo diante de retrocessos advindos da do Ocidente, tanto nas politicas que atacam o multilateralismo econômico como no discurso exposto pela mídia.

– Precisamos enfrentar e modificar esta situação, por isso a nova rodada do Fórum dos BRICS chega com este propósito – afirmou ele apresentando algumas sugestões aos demais paises.

– É chegada a hora de construirmos uma plataforma moderna abrigando todos os conteúdos possiveis com informações corretas abertas ao acesso de todos – frisou ele, informando que a Agência Xinhua se dispõe e está aberta para construção dessa estrutura dos BRICS – acrescentou.

Ele lembrou que este ano comemora-se 45 anos das relações diplomaticas entre China e Brasil, em face disto destacou a importância dos BRICS aprofundarem os entendimentos e cooperação para ampliarem a força do Bloco.

Notícias relacionadas