menu

Rio Grande do Norte

03/07/2017


Chuvas da última semana elevam volume de água da Lagoa de Extremoz

A Lagoa de Extremoz, responsável pelo abastecimento de parte da zona norte de Natal, atingiu 83,48% de seu volume máximo com as chuvas que caíram no último fim de semana. De acordo com o Instituto de Gestão das Águas (Igarn), no dia 24 de junho, a lagoa estava com 74% de sua capacidade.

Já a Lagoa do Jiqui e a Lagoa de Pium estão com 100% do seu volume total, enquanto a Lagoa do Bonfim, que abastece a adutora Monsenhor Expedito, está com 53,57% de sua capacidade, 45,145 milhões de m³. Quando cheia, Bonfim acumula 84,268 milhões de metros cúbicos. A Lagoa do Boqueirão que possui usos múltiplos está com 83,08%, 9,201 milhões de metros cúbicos acumulados, dos 11 milhões totais.

Lagoa de Extremoz é responsável pelo abastecimento de parte da zona norte de Natal

Foram registradas chuvas em 88 postos pluviométricos monitorados pela Emparn de sexta-feira (30) até a manhã desta segunda-feira (3). As precipitações mais fortes aconteceram na mesorregião Leste: Canguaretama, 129,1 milímetros; Natal, 79,0mm; São Gonçalo do Amarante, 74,3mm; Goianinha, 70,6mm. Choveu ainda em Senador Georgino Avelino; Extremoz; Parnamirim; Espírito Santo; Montanhas; Ceará Mirim e Maxaranguape.

Na mesorregião Agreste, choveu mais forte em São Pedro, 123,2mm; Santa Maria, 73,0mm; Bom Jesus, 54,6mm; Vera Cruz, 53,2mm; Monte Alegre, 47,0mm; Rui Barbosa, 39,9mm; Barcelona, 35,6mm; Ielmo Marinho, 31,2mm. Choveu ainda em Lagoa de Pedras; Bento Fernandes; São Tomé; São Bento do Trairi; Sítio Novo; Jaçanã e Coronel Ezequiel, entre outros municípios.

Na mesorregião Oeste, choveu em Tenente Ananias, 83,0mm; Venha Ver, 80,0mm; Francisco Dantas, 73,3mm; Alexandria, 67,5mm; Major Sales, 66,5mm; Dr. Severiano, 61,3mm; Felipe Guerra, 54,0mm; Paraná, 53,0; José da Penha, 52,9mm; Marcelino Vieira, 52,0mm; São Francisco do Oeste, 47,0mm; João Dias, 40,0 e Martins, 38,0mm. Choveu ainda em Pau dos Ferros; Campo Grande; Água Nova; Pilões; Umarizal e Antônio Martins, entre outros municípios.

Na mesorregião Central, choveu em São Bento do Norte, 50,0mm; Pedro Avelino, 26,3mm; Santana do Matos, 22,0mm; Equador, 20,7mm; Ouro Branco, 16,0mm; Florânia, 14,1mm; Caiçara do Rio dos Ventos, 10,0mm. Choveu ainda em São José do Seridó; Jardim do Seridó; Cruzeta; São Vicente; Caicó, entre outros municípios.

De acordo com Gilmar Bristot, Gerente de Meteorologia da EMPARN, as chuvas que estão caindo são causadas pela atuação do sistema de brisa e instabilidades de origem oceânicas, cenário normal nesse período do ano. Durante esta semana o tempo deve permanecer nublado com ocorrência de chuvas no Litoral Leste e no Agreste. No interior, a previsão é de céu parcialmente nublado com precipitações isoladas. “Estamos analisando as condições dos ventos e pode ser que as precipitações no litoral se intensifiquem por volta da quarta-feira (5). Essa previsão estará mais definida amanhã”, acrescenta.

Tribuna do Norte

Notícias relacionadas