menu

Alagoas

22/02/2016


Chuvas geram apagão e lixo nas praias de Maceió

As fortes chuvas que atingiram Maceió na noite dessa quinta-feira (18) e se estenderam pela madrugada desta sexta-feira (19) provocaram inúmeros transtornos. Raios, relâmpagos e trovões riscaram o céu, geraram falta de energia em vários pontos da capital e o volume de água elevou o nível do Riacho Salgadinho, no bairro do Poço e, consequentemente, despejou toneladas de lixo na Praia da Avenida, em Jaraguá.

Equipes da Superintendência de Limpeza Urbana de Maceió (Slum) foram mobilizadas, nesta manhã, para o recolhimento dos detritos com auxilio de tratores e caminhões.

Além da praia, outras partes da cidade amanheceram sujas após o temporal. A Avenida Leste-Oeste, por exemplo, ficou coberta de barro.

Devido à tempestade, algumas áreas do município tiveram problemas com a energia. Na Jatiúca, Jacintinho, Feitosa e quase toda a parte baixa da cidade ficaram sem eletricidade. Já na parte alta, os bairros do Farol, Eustáquio Gomes e Benedito Bentes tiveram relatos de quedas de energia. No bairro de Cruz das Almas ainda faltava eletricidade nesta manhã.

A Maternidade Santa Mônica, localizada no bairro do Poço, sofreu um apagão durante as chuvas da madrugada. Segundo a assessoria da unidade hospitalar, com a queda de energia na região, os geradores foram acionados e nenhum transtorno foi registrado.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil do município, Dinário Lemos, não houve registro de ocorrência durante a madrugada, mas enfatizou que as equipes de plantão estão realizando o monitoramento das áreas de risco.

"Nossas equipes de plantão não receberam chamados de ocorrências durante todo o período de chuvas, mas mantiveram o monitoramento das áreas de risco da capital", disse.

Os Bombeiros também não registraram nenhuma ocorrência durante a noite, assim como a Defesa Civil Estadual.

A Eletrobras relatou que está fechando o relatório sobre a noite de ontem, mas afirmou que não houve grandes transtornos. 

Notícias relacionadas