menu

Brasil

16/09/2014


CNT apresenta demandas do setor para candidatos à Presidência

Eleições

As principais demandas do setor de transporte foram reunidas pela CNT no documento "O que o Brasil precisa em transporte e logística", que foi entregue aos candidatos à Presidência da República. O material, também disponível no site da instituição, mostra a gravidade da situação do transporte brasileiro e propõe soluções.

O levantamento tem como objetivo auxiliar presidenciáveis e demais tomadores de decisão na escolha de medidas que solucionem os gargalos que hoje emperram o desenvolvimento do setor e do próprio país, aumenta custos e reduz a competitividade.

As propostas sugeridas pela CNT visam transformar o transporte e a logística no Brasil a partir de uma visão sistêmica. Para tanto, estão listadas recomendações de adequação e expansão da infraestrutura de todos os modais de transporte (rodoviário, ferroviário, aéreo e aquaviário), além da mobilidade urbana, assim como a necessidade de realização de ajustes para se reduzir a burocracia e os custos da atividade.

O transporte é um dos pilares do desenvolvimento econômico e social. Por isso, é essencial que ele seja pensado e planejado de forma estratégica e integrada. No entanto, no Brasil, a oferta de serviços de infraestrutura e os marcos regulatórios relacionados ao setor não têm acompanhado a evolução do país, em razão, principalmente, da falta de planejamento, de investimento e de uma gestão eficiente.

A CNT acredita que o processo eleitoral é o momento propício para a apresentação das medidas necessárias para solucionar os problemas existentes e preparar o Brasil para o futuro, já que permite ao país rever as suas carências e redefinir as suas prioridades. A confederação espera que o próximo presidente assuma esse compromisso e atue na resolução dos problemas, dando ao transporte a importância que ele tem para o crescimento do país.

Veja aqui a íntegra do material.

 

(Da Assessoria)

Notícias relacionadas