menu

Brasil

11/05/2014


Com gol de Fred no começo do jogo, Fluminense bate o Flamengo no clássico

RIO DE JANEIRO

Pela segunda vez na atual temporada, o Fluminense derrotou o Flamengo. No clássico disputado na tarde deste domingo, no Maracanã, o Tricolor das Laranjeiras derrotou o Flamengo por 2 a 0, gols marcados por Fred e Chiquinho, um em cada tempo. No primeiro confronto, válido pelo Campeonato Estadual, o Fluminense já havia vencido por 3 a 0.

O resultado fez o Fluminense chegar aos nove pontos ganhos e assumir a segunda colocação na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. O Flamengo é o 15º colocado, com quatro pontos ganhos. O Fluminense foi muito melhor no primeiro tempo, quando poderia estabelecer uma vantagem maior. O Flamengo melhorou na segunda etapa, mas acabou sofrendo o segundo gol quando se lançou, de forma desesperada, em busca do gol de empate.

Na próxima rodada, o Flamengo vai receber o São Paulo, no Maracanã. O Fluminense vai encarar o Grêmio, na Arena do Tricolor gaúcho.

O jogo – O Fluminense começou a partida em ritmo acelerado, trocando passes no campo adversário e impedindo que o Flamengo tivesse liberdade para sair jogando.Só depois dos três minutos, é que a equipe rubro-negra começou a sair do cerco.

Aos cinco minutos, Léo Moura cobrou falta, do lado direito, e Wallace cabeceou sem levar perigo para Diego Cavalieri.Logo depois, Paulinho fez ótimo lançamento para André Santos que cruzou para Mugni, mas Elivelton chegou antes e aliviou o perigo.

Aos 10 minutos, o Fluminense marcou o primeiro gol. Conca bateu escanteio pela direita e Fred subiu entre Cáceres e o goleiro Felipe para cabecear e mandar para as redes. O time do Flamengo mostrava muito nervosismo e, antes dos 15 minutos, três jogadores já haviam sido advertidos com o cartão amarelo.

O time dirigido por Cristovão Borges continuava melhor em campo e, aos 18 minutos, Carlinhos fez bom lançamento para Wagner que penetrou pela esquerda e cruzou para Rafael Sobis que chegou atrasado e perdeu a chance de concluir.

O Flamengo encontrava dificuldades para organizar jogadas de ataque, principalmente porque o Fluminense recuou para fechar os espaços. Aos 20 minutos, Léo Moura se projetou e lançou Alecsandro. Diguinho cortou e a bola sobrou para Márcio Araújo que chutou forte, mas a bola bateu em Jean.
Ricardo Ayres/Photocamera
Flamengo e Fluminense duelaram no Maracanã

A partida caiu em ritmo mais tranquilo, com os dois times concentrando suas ações na intermediária e criando poucas jogadas ofensivas.

Aos 28 minutos, após cruzamento de Carlinhos, Fred ganhou de Samir, mas cabeceou por cima do travessão defendido pelo goleiro Felipe. Logo depois, o goleiro deu susto ao soltar uma bola fácil e quase permitir a chegada de Rafael Sobis, mas Felipe conseguiu a recuperação.

O Fluminense voltou a controlar as ações, principalmente porque Conca se movimentava pelo campo todo e desnorteava a marcação rubro-negra.Logo depois, Wagner cruzou pela esquerda, a defesa rebateu e Conca quase aproveitou o rebote.

O Flamengo seguia com muita dificuldade de penetrar, tocando a bola para os lados.Só aos 43 minutos é que o time da Gávea criou sua melhor oportunidade. Samir cobrou falta, com violência, e Cavalieri fez grande defesa, espalmando para escanteio. Na cobrança, o goleiro do Fluminense voltou a intervir para evitar a conclusão de Paulinho, no último lance importante da etapa inicial.

O Flamengo voltou com o atacante Negueba no lugar do volante Luiz Antonio, numa tentativa de dar mais poder ofensivo ao time, mas o primeiro lance perigoso foi do Fluminense. Aos dois minutos, Jean arriscou,de fora da área, e Felipe soltou, permitindo a entrada perigosa de Rafael Sobis.

O Tricolor voltou a marcar adiantado, tentando dificultar a troca de passes por parte da equipe rubro-negra.Aos seis minutos, Paulinho penetrou pela esquerda e cruzou para a pequena área, mas os atacantes não conseguiram concluir o lançamento. O Flamengo tenta explorar a velocidade de Negueba que atuava nas costas de Carlinhos.

Aos 15 minutos, Negueba que era a melhor opção de ataque, foi lançado pela direita e cruzou para Alecsandro, mas Diego Cavalieri chegou primeiro e fez a defesa. A resposta tricolor veio em tabela de Rafael Sobis e Conca, mas Felipe chegou antes do atacante tricolor e rebateu para a lateral.

O técnico Jayme de Almeida decidiu gastar todas as suas fichas, trocando Cáceres e Mugni por Muralha e Arthur.

O Flamengo quase chegou ao empate aos 23 minutos, quando Negueba cruzou da direita, Elivélton falhou ao tentar cortar e Arthur completou por cima do travessão. Dois minutos depois, Paulinho entrou pelo meio e tocou para Alecsandro,na esquerda, mas a conclusão foi muito ruim.

O Flamengo pressionava,e aos 28 minutos, Alecsandro desperdiçou uma chance incrível de empatar. André Santos cobrou falta, pela esquerda,e o atacante, inteiramente livre, cabeceou para fora.
 

Notícias relacionadas