menu

Brasil

11/01/2016


Devido a queimadas, fumaça toma conta do céu de Manaus

A Secretaria de Meio Ambiente do Amazonas informou que a fumaça acumulada no céu de Manaus é procedente de queimadas em municípios próximos. De primeiro de janeiro até esta segunda-feira, foram registrados 108 focos de incêndio em 28 cidades. O município de Barcelos concentrou a maioria das ocorrências, com 30 focos.

O secretário do Meio Ambiente, Antonio Stroski, disse que “o quadro é incomum nesta época do ano e as causas estão sendo investigadas”. Ele disse que possíveis autores de queimadas podem ser responsabilizados.

Segundo ele, a direção dos ventos no sentido de Norte a Nordeste, associada à umidade relativa do ar de 59%, favoreceram a chegada e acúmulo de fumaça em Manaus. Outro fator é a velocidade dos ventos que está em 18 quilômetros por hora, o que dificulta a dissipação da fumaça.

O boletim climático do Sistema de Proteção da Amazônia, para o primeiro trimestre de 2016, indica chuvas abaixo da média no leste e no centro do Amazonas.

Agência Brasil

Notícias relacionadas