menu

Brasil

13/11/2019


Dilma: Bolsonaro viola convenção internacional ao apoiar invasão de embaixada

247 – A presidente deposta pelo golpe de 2016, Dilma Rousseff, repudiou o apoio do governo Jair Bolsonaro à invasão contra a embaixada venezuelana em Brasília (DF) na manhã desta quarta-feira (13).

“Houve violenta invasão da embaixada da Venezuela no Brasil.  O apoio do gov Bolsonaro é grave violação de convenção internacional. Coincidir c/ a reunião dos Brics permite conjecturar se além da continência à bandeira dos EUA agora rserão rompidos acordos que ñ agradem aos EUA”, escreveu ela no Twitter.

De acordo com o líder do PT na Câmara dos Deputados, Paulo Pimenta (RS), invasores entraram fardados, com a mesma roupa (blusa branca de manga comprida e calça jeans).

A Polícia Militar do Distrito Federal informou que, por volta das 5h, pelo menos 14 pessoas haviam ultrapassado os portões da embaixada.

O apoio ocorre no mesmo dia em que estão em Brasília líderes de Rússia, Índia, China e África do Sul, para a reunão dos BRICs.

Notícias relacionadas