20/04/2017

Torcedores do Paraná usam o Bolsa Família para agredir time do Nordeste

Torcedores do Paraná usam o Bolsa Família para agredir time do Nordeste

Um grupo de torcedores do Paraná Clube utilizou o programa de distribuição de renda do Governo Federal para debochar de rivais do Vitória, da Bahia, nesta quarta-feira. As ofensas aconteceram durante a partida de volta entre os dois times, pela quarta fase da Copa do Brasil, em Curitiba. De acordo com Gabriela Ribeiro, repórter do GloboEsporte.com, que cobria o jogo no estádio Durival de Brito, cerca de 20 torcedores paranistas, próximos ao alambrado que os separava da torcida do Vitória, puxaram coros de “Bolsa Família” e “Vão trabalhar, seus Bolsa Família” para provocar os rubro-negros. A Bahia é o estado com o maior número de beneficiários do programa social, onde aproximadamente 2,5 milhões de pessoas recebem o benefício, enquanto a região Nordeste concentra mais da metade dos brasileiros assistidos pelo projeto.

Por meio da assessoria de imprensa, o Paraná afirma que o episódio se tratou de “um caso isolado”, restrito a uma pequena parcela dos mais de 7.000 torcedores que compareceram à Vila Capanema, como é conhecido seu estádio. O clube reforça que repudia qualquer tipo de discriminação ou preconceito, lembrando que, em 2014, quando o volante Marino, do São Bernardo, acusou um torcedor paranista de tê-lo chamado de “macaco”, contribuiu com as autoridades para identificar o agressor, que não frequenta mais os jogos da equipe. Na ocasião, o Paraná foi multado em 30.000 reais pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por causa da injúria racial.

Há 10 dias, a Vila Capanema já havia sido palco de uma briga generalizada entre jogadores do Paraná e do Atlético-PR. O goleiro Weverton provocou torcedores do time da casa após a classificação dos atleticanos para a semifinal do Campeonato Paranaense e foi repreendido com violência por atletas do Tricolor. Ele justificou a provocação alegando que teria sido xingado por torcedores do Paraná ao longo de toda a partida, que acabou empatada em 0 x 0.

El País

comentários