menu

Sergipe

10/08/2015


Estado será o primeiro a receber tocha olímpica

No dia 28 de maio de 2016, desembarca em Aracaju a tocha olímpica. Além da capital, mais cinco municípios sergipanos receberão a visita da tocha: Canindé do São Francisco, Nossa Senhora da Glória, Nossa Senhora das Dores, Poço Redondo e Propriá. A pernoite e a celebração, no entanto, ocorrem apenas na capital. A tocha chegará a Brasília, vinda da cidade grega de Olímpia, no dia 3 de maio de 2016. As informações foram passadas durante o Seminário de Mobilização realizado ontem no Palácio-Museu Olímpio Campos, onde foram discutidas questões como logística, mobilização e preparação até o próximo ano.

De acordo com o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, a passagem da tocha é uma oportunidade para divulgar os destinos turísticos e ampliar o número de visitantes brasileiros e estrangeiros que viajam pelo país. Segundo ele, estão em estudo uma série de ações para apoiar os municípios sergipanos na divulgação de seus atrativos e de apoio financeiro para a realização de eventos de celebração nos locais que vão receber o símbolo olímpico.

“Aracaju vem evoluindo nos quesitos capacidade empresarial, infraestrutura, equipamentos turísticos, políticas públicas economia local, por isso, ficamos muito felizes em Sergipe ser a primeira cidade a receber a tocha pela sua tradição no esporte. A Olímpiada e a Paraolimpíada são os dois maiores eventos esportivos do planeta. Para se ter uma ideia, a Copa do Mundo trouxe ao Brasil 32 países, os jogos olímpicos vão trazer 205 países. São 15 mil atletas, 25 profissionais da comunicação, 70 mil voluntários, e 4,8 bilhões de espectadores em todo o mundo”, disse o ministro.

Bastante otimista, o ministro interino de Esporte, Ricardo Leyser, destacou a escolha de Sergipe para receber a tocha. “Em território, Sergipe é bem pequenininho, mas no mapa do esporte Sergipe é enorme. Temos aqui a Confederação Brasileira de Ginástica, a Federação de Handball Feminina. No mapa do esporte Sergipe tem um pedação do Brasil, então nada melhor que começar pelo estado que tem essa tradição esportiva e que contribui para o orgulho nacional”, afirmou.

De acordo com o governador Jackson Barreto, a passagem da tocha vai dar destaque a Sergipe e divulgar diversos destinos turísticos, assim como as manifestações culturais e artísticas do estado. “Este é o momento para a gente divulgar nossa cultura, nosso Estado, e de cada prefeito poder divulgar seu município”, comentou o governador informando ainda que as secretarias de Estado, a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil já começam a preparação da logística, estrutura, segurança para receber a tocha.

O secretário de Cultura de Sergipe, Elber Batalha, disse que é de extrema felicidade para os sergipanos, Sergipe ter sido escolhido como o estado a deflagrar a trajetória da tocha olímpica. “Isso é extremamente significativo e tem que ser extremamente ressaltado. De todos os locais possíveis, Sergipe foi escolhido para iniciar essa trajetória, daqui percorrerá todo o Brasil e terá seu ápice com a chegada no Rio de Janeiro com a abertura dos Jogos Olímpicos”, comentou.
 
Grecy Andrade
Equipe JC

Notícias relacionadas