menu

Pernambuco

19/09/2013


Estado terá energia gerada a partir de esgoto

PERNAMBUCO

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) divulgou, nesta quinta-feira (19), um projeto para geração de energia elétrica a partir do sistema de esgoto da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). A iniciativa vai transformar resíduos sólidos e efluentes líquidos em biogás, que será utilizado na matriz energética brasileira.

O projeto construirá um sistema de geração de energia renovável com potência estimada em 200 kW, em uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) da Compesa. Inicialmente, a energia gerada pelo biogás será utilizada na própria unidade de tratamento ou, caso haja excedente, injetada na rede da Celpe. O percentual não consumido pelo cliente e destinado à rede da concessionária será revertido em crédito para o consumidor.


Além de proporcionar a geração de energia limpa, a ação ainda pode contribuir de forma decisiva para diminuir o déficit de tratamento de esgoto no País. “Vamos estudar uma tecnologia que possa ser aplicada em várias situações. Em paralelo à ETE, vamos procurar uma solução para os resíduos produzidos em supermercados, feiras, lixões, aterros, restaurantes e todos os locais onde exista a obra-prima para o biogás”, comenta o gestor de Meio Ambiente da Celpe, Thiago Caíres.

No total serão investidos mais de R$ 4,6 milhões na aquisição dos equipamentos, capacitação profissional, desenvolvimento da tecnologia, instalação e acompanhamento após implantação.

iG *Com informações da assessoria

Notícias relacionadas