menu

Ceará

24/05/2016


Evento celebra 40 anos do lançamento do disco Alucinação, de Belchior

Em maio de 1976, chegava ao mercado fonográfico o disco Alucinação, o segundo da carreira do sobralense Antônio Carlos Gomes Belchior Fontenelle Fernandes, ou apenas Belchior. O cenário político e social brasileiro era dominado pela ditadura militar, e o disco foi um grito de liberdade e juventude em meio a todo o terror vivido naqueles tempos. Quarenta anos depois, o frescor do álbum ainda pode ser sentido e segue conquistando fãs pelo Brasil.

Hoje e amanhã, o disco será tema de discussões e homenagens conduzidas pelos estudantes integrantes do coletivo A Literação durante o colóquio Alucinação 40 Anos, com mesas redondas no Auditório José Albano, da Universidade Federal do Ceará (UFC). O evento vai debater o LP sob diversas perspectivas, levadas por professores dos departamentos de Literatura, Linguística e Música. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no local. Os participantes receberão certificado.

Na sexta-feira, 27, o Bosque Moreira Campos – localizado no Centro de Humanidades I, Benfica -receberá o sarau Tributo a Belchior, com alunos-artistas fazendo homenagens ao compositor. Também será lançada a quinta edição do zine A Literação, que tem como tema o LP emblemático do cantor.

Hoje, um dos debatedores será o professor Cláudio Rodrigues. Com o tema Uma faca só lâmina: a antiode em João Cabral e em Belchior, o professor do departamento de Literatura da UFC irá traçar um paralelo entre as obras do escritor pernambucano e do músico cearense. Para ele, a importância do LP é incontestável, principalmente, no âmbito macro da música brasileira. “A gente tem que transpor o espaço da regionalidade. Ele é mais do que ser local, é nacional, é latino-americano”, define.

Segundo Cláudio, foi a partir de Alucinação que o músico assumiu uma espécie de voz da juventude latino-americana. “Ele funde a harmonia do lugar, em um ritmo misturado com urbanidade. E expande as fronteiras da nacionalidade”.

Serviço

Semana Alucinação 40 anos
Quando: de hoje até sexta-feira
Onde: Centro de Humanidades I da UFC – Benfica
Outras informações: http://migre.me/tULru

O Povo Online

Notícias relacionadas