menu

Brasil

17/03/2014


Ex-secretário e mais 4 são indiciados por fraudes na Educação

ALAGOAS

A Polícia Civil indiciou o ex-secretário estadual de Educação Adriano Soares e mais quatro pessoas por fraude em licitação e contratação de duas empresas para gerenciar as obras emergenciais em 141 escolas, unidades do Cepa e a sede da secretaria. A delegada Jeovânia Ribeiro Falcão apontou fortes indícios de direcionamento na escolha das construtoras e descumprimento às formalidades legais para dispensa de licitação, superfaturamento e inclusão de obras que não caracterizam emergência. Soares afirma que todo o procedimento foi legal. Entre os outros indiciados estão dois servidores da pasta e representantes das duas construtoras.
 

Notícias relacionadas