menu

Brasil

13/01/2014


Flávio Dino pega embalo em crise dos presídios no Maranhão

CRÍTICAS

Principal adversário da governadora do Maranhão, Roseana Sarney, o presidente da Embratur, Flávio Dino (PCdoB), já avisou ao governo que deixar o cargo na estatal assim que retornar das férias. Dino está em Minas Gerais, acompanhando à distância a crise dos presídios no estado.

A ordem no círculo próximo a Dino é evitar qualquer tipo de exposição relacionada à crise no atual momento. Os comunistas entendem que a polêmica envolvendo a violência em Pedrinhas é mais do que suficiente para abalar por si só o desempenho de Roseana e da família Sarney no estado.

Mas, obviamente, o plano é apenas esperar para capitalizar tudo isso mais adiante.

iG Brasília
 

Notícias relacionadas