menu

Bahia

23/12/2015


Fogo na Chapada Diamantina já consumiu 23 mil hectares

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) divulgou na segunda-feira (21) um balanço sobre as ações empenhadas para combate ao fogo no Parque Nacional da Chapada Diamantina. De acordo com o órgão, desde novembro, brigadistas, bombeiros e voluntários trabalham em várias frentes para apagar as chamas que já consumiram mais de 23 mil hectares até sexta (18), somente no Parque Nacional.

O balanço atualiza a informação divulgada pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), que havia informado perda de 15 mil hectares até o dia 4. No total, a unidade perdeu 15% dos seu 152.141,87 hectares.

Além dos 42 brigadistas contratados pelo ICMBio, trabalham no combate ao fogo 170 bombeiros militares, 40 brigadistas do PrevFogo/Ibama e cerca de uma centena de brigadistas voluntários da Bahia, Espírito Santo e do Distrito Federal.

Diariamente, as equipes se reúnem para avaliar o trabalho realizado e planejar as próximas ações. Além dos equipamentos individuais, as equipes contam com o apoio de oito aviões e cinco helicópteros contratados pelo governo da Bahia e pelo ICMBio; juntos realizaram mais de 1.500 horas de voo, nos últimos dois meses.

Todos os dias, as aeronaves realizam voos de reconhecimento, fazem mais de 100 lançamentos de água sobre o fogo e transportam os brigadistas até locais próximos aos incêndios.

Notícias relacionadas