menu

Brasil

13/11/2014


Fórum vai discutir propostas para fortalecer comunicação pública

Debater propostas para a comunicação pública, com o objetivo de fortalecer o sistema no país, é o objetivo do Fórum Brasil de Comunicação Pública, que ocorre hoje (13) e amanhã (14) no Auditório Nereu Ramos, da Câmara dos Deputados. Entre os temas abordados estão a universalização do acesso à comunicação, a convergência de linguagens e conteúdo interativo, as formas de financiamento do sistema público e as políticas de fomento para o segmento de audiovisual.

O evento é promovido pela Secretaria de Comunicação da Câmara dos Deputados e pela Frente Parlamentar pela Liberdade de Expressão e o Direito à Comunicação com Participação Popular (FrenteCom), grupo composto por mais de 100 entidades que atuam no campo da comunicação social. Além dos painéis principais, haverá reuniões setoriais de grupos de discussão.

Para o Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC), uma das questões prioritárias a ser debatida no evento é a garantia de espectro para as emissoras públicas, especialmente para a criação de novos canais. “Não adianta a gente defender mais financiamento para o setor ou melhoria das condições de produção de conteúdo pelo campo público se não tiver espaço físico para outros canais existirem no espectro”, explica Bia Barbosa, da coordenação executiva do FNDC.

Segundo ela, também serão abordadas no fórum questões como a garantia de canais permanentes de diálogo da sociedade civil na definição dos rumos das emissoras do campo público, a atualização do marco regulatório para a comunicação como um todo, em especial para o campo público, e uma atenção especial aos veículos comunitários.

Além de parlamentares, a programação do evento conta com professores, representantes de associações do setor de comunicações, do Ministério das Comunicações e da Agência Nacional do Cinema (Ancine). O diretor-presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Nelson Breve, participa do debate sobre Tecnologia e Infraestrutura do Sistema Público e a presidenta do Conselho Curador da EBC, Ana Luiza Fleck Saibro, participa do evento como mediadora.

O Fórum Brasil de Comunicação Pública dá sequência aos dois primeiros fóruns de TVs Públicas e ao Seminário Internacional da Comunicação Pública, realizados em 2006, 2009 e 2012, respectivamente. Ao final do evento, as organizações participantes entregarão a plataforma consolidada de demandas para a comunicação pública à presidenta Dilma Rousseff.

 

(Da Agência Brasil)

Notícias relacionadas