menu

Política

29/05/2015


Frei Betto: “esta reforma é uma sem-vergonhice”

O idealizador do Programa Fome Zero, o frade dominicano Carlos Alberto Libânio, mais conhecido como Frei Betto, teceu duras críticas ao PT, partido que ajudou a fundar, ao afirmar que a legenda não conseguiu implementar durante os doze anos que está no poder nenhuma mudança estrutural. "Dilma entregou o poder ao PMDB, que empurrou esta trágica reforma política, enquanto o PT teve anos para implementar uma reforma de verdade, mas não fez. Deveria ter realizado uma reforma política, agrária, tributária e educacional muito antes. Esta reforma daí é uma sem-vergonhice", disparou.

Frei Betto, que esteve nesta quinta-feira (28) no Recife para participar no III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica, avalia que a crise de governabilidade enfrentada pelo país deriva dos erros do próprio PT. "O PT deixou de ser o partido, da ética e da construção do socialismo no Brasil. Errou no momento em que preferiu segurar a governabilidade pelo mercado e pelo Congresso. Ficaram encurralados e não ousaram", disse.

Segundo o dominicano, a situação atual tem levado a um momento que ele classificou como sendo de "depressão cívica". "O governo perdeu a confiança no povo e o povo perdeu a confiança no governo. Vivemos um momento de depressão cívica que não favorece a ninguém. Em dois anos de Planalto aprendi que o poder não muda ninguém, apenas faz com que a pessoas se revelem. Precisamos deselitizar o poder no Brasil", avaliou.

Jornal da Cidade

Notícias relacionadas