menu

Ceará

10/05/2016


Governador anuncia mais de R$ 140 milhões em investimentos para educação

O governador Camilo Santana anunciou, nesta segunda (09), um pacote de investimentos na educação cearense atendendo grande parte das reivindicações de diretores, professores e alunos da rede estadual. O anúncio foi feito em reunião com todos os gestores das Coordenadorias Regionais de Desenvolvimento da Educação (Credes) e Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza (Sefor) na sede da Secretaria da Educação do Estado do Ceará (Seduc). Ao todo, serão mais de R$ 140 milhões investidos, sendo maior parte diretamente nas escolas para reformas e manutenção, alimentação dos estudantes, laboratórios de informática e aumento da carga horária para ambientes pedagógicos. Além disso, foi reafirmado o compromisso com outras demandas já garantidas para a categoria dos professores.

Para reformas nas escolas estaduais, estão garantidos recursos no valor de R$ 32 milhões de reais, e para manutenção de cada unidade, será criado um fundo de R$ 5 milhões ao ano para dar agilidade e facilitar os reparos necessários no dia a dia das unidades. Este valor será adicionado ao já repassado atualmente. No intuito de melhorar o atendimento nos laboratórios de informática das escolas, serão adquiridos cinco mil computadores já este ano e em 2017, num investimento de R$ 17,5 milhões.

Além disso, haverá acréscimo de 100h mensais para ambientes pedagógicos (Laboratórios e Multimeios) nas Escolas de Ensino Regular, Centros de Educação de Jovens e Adultos, Escolas Indígenas e Quilombolas e 125h mensais nas Escolas de Educação Profissional, destinados à oferta de disciplinas vinculados ao currículo do aluno, a serem definidas por professores, gestores e alunos, em articulação com as Coordenadorias Regionais de Educação do Interior e da Capital, com valor previsto de R$ 12,5 milhões/ano. Sobre a alimentação escolar, além do valor já investido atualmente, a Secretaria da Educação fará a aquisição e distribuição de arroz, feijão, macarrão, massa de milho e açúcar de forma imediata, o que representa um investimento de R$ 6,4 milhões ao ano.

Camilo Santana destacou que o Ceará foi o único estado do Brasil a pagar reajuste de 13,01% em 2015 e que o diálogo com a categoria continuará sempre aberto. “Estamos atendendo a praticamente todas as reivindicações apresentadas não só pelo Sindicato, mas também por professores e alunos. Qualquer reivindicação de professores e alunos sempre será justa, pois sempre precisamos investir na educação e melhorar as nossas escolas para nossos jovens. O nosso compromisso é de manter o diálogo aberto e construir juntos o caminho para superar essa crise no país, com muita união e sensibilidade”, afirmou o governador.

 

Notebooks da Premiação Spaece/ENEM

O governador Camilo Santana falou ainda sobre a premiação dos alunos que atingiram os melhores resultados no Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (Spaece) e do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Serão distribuídos, inicialmente, 15.000 notebooks aos estudantes contemplados com o prêmio em 2013 – um investimento de R$ 21,4 milhões – com previsão de entrega para os meses de junho e julho deste ano.

 

Benefícios para os professores

Camilo Santana reforçou o compromisso firmado anteriormente com grande parte das reivindicações dos professores: garantia de pagamento do Piso de Magistério, revisão da portaria de afastamento para estudos, pagamento do retroativo de progressão Horizontal e Vertical, nomeação de 553 professores aprovados no último concurso, implantação do vale alimentação para professores temporários, manutenção do projeto Diretor de Turma, esforço para melhoria dos serviços do ISSEC (Instituto de Saúde dos Servidores do estado do Ceará).

Notícias relacionadas