menu

Sergipe

16/04/2020


Governador diz que números do coronavírus no Estado podem dobrar

O governador explicou que o aumento no número de casos previstos para as próximas semanas se dará porque há pessoas que podem estar contaminadas, mas assintomáticas.

REVISTA NORDESTE – O governador Belivaldo alertou, em coletiva de imprensa, nesta quinta-feira (16), que, com a chegada dos testes rápidos enviados pelo governo federal para detectar a Covid-19, somados aos 30 mil testes comprados pelo Estado, o número de casos confirmados em Sergipe poderá duplicar nos próximos dias.

“Nós estamos fazendo testagem de forma mais ampla. Isso significa que nós podemos ter uma explosão nos números. Já recebemos cerca de 11mil kits de testes rápidos. Vamos ampliar o atendimento para 600 testes de PCR no Lacen por dia. O Lacen vai trabalhar de segunda a segunda para que tenhamos mais resultados. Nós estávamos com dificuldade de fazer testes, por que não tínhamos material. A partir da agora, os resultados podem dobrar”, informou Belivaldo.

O governador explicou que o aumento no número de casos previstos para as próximas semanas se dará porque há pessoas que podem estar contaminadas, mas assintomáticas e a ampliação dos testes oferecerá um panorama mais real da situação de contágio no estado.

“O que fizemos até agora, referente aos decretos e isolamento, teve como objetivo evitar o crescimento rápido da curva de contaminação no estado. Enquanto a gente organiza a nossa rede. Nós estamos trabalhando para que possamos ter no momento de pico o equivalente a 688 leitos, sendo 100 leitos de UTI”, disse.

Belivaldo falou da flexibilização das medidas de contenção da Covid-19 em Sergipe, mas destacou que tudo está sendo feito gradativamente, respeitando as indicações técnicas e a atenção para cada caso especifica. “Avaliaremos a reabertura de certos locais a cada semana, seguindo dados e recomendações técnicas e observando a necessidade dos serviços ofertados. Mas a recomendação geral, no momento, para quem pode, ainda é ficar em casa e manter o distanciamento social”, lembrou o chefe do Executivo estadual.

O governador mostrou preocupação, por exemplo, com o fato do número de pessoas nas ruas está aumentando muito nos últimos dias. “Eu estou extremamente preocupado com o que pode acontecer, também, nos próximos dias por conta do excesso de pessoas que estão nas filas de banco, em especial nas filas da Caixa Econômica. O pessoal está cada vez mais próximo, e, de repente, pode haver ali uma pessoal contaminada que não apresenta sintomas, e contaminar outras pessoas”, ressaltou.

Hildete Falcão 

Ainda durante a coletiva, Belivaldo ao falar da ampliação dos leitos no estado para assistência aos pacientes com coronavírus, informou que a Hildete Falcão Batista deverá estar pronta na primeira semana de maio. “Inclusive, na unidade, vamos disponibilizar 20 leitos para gestantes. Temos essa preocupação dessa divisão”, informou.

Notícias relacionadas