menu

Economia

29/07/2015


Governo deve vetar correção de aposentadorias acima do mínimo

A presidente Dilma Rousseff deverá vetar o texto aprovado pelo Congresso Nacional que corrige o salário mínimo a todos os beneficiários da Previdência Social.

Em Medida Provisória, a presidente havia estabelecido a manutenção da política de valorização do salário mínimo até 2019, mas o Congresso estendeu a fórmula do cálculo para todos os benefícios previdenciários superiores ao mínimo.

Para justificar o veto integral à projeto aprovado, a presidente vai argumentar que os segurados da Previdência que recebem acima do salário mínimo terão o benefício reajustado em 6,23%, equivalente ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 2014.

A decisão da presidente será publicada no Diário Oficial da União nesta quinta-feira, 30. O veto presidencial, porém, retorna ao Congresso e pode ser derrubado pelos parlamentares.

Agência Brasil

Notícias relacionadas