menu

Rio Grande do Norte

24/11/2017


Grevistas são notificados pela justiça, mas continuarão ocupando Seplan

Os servidores que ocuparam o prédio da Secretaria Estadual de Planejamento (Seplan) devem deixar as premissas do Centro Administrativo. Esse é o entendimento da Justiça do Rio Grande do Norte, que determinou a saída dos funcionários que estão protestando desde a última quarta-feira 22. De acordo com o entendimento do juiz Bruno Lacerda, os trabalhadores têm duas horas – após serem intimados – para deixarem a Seplan, sob pena de multa. Cerca de 60 pessoas – entre servidores e estudantes – participam do ato.

O protesto é formado por servidores da Saúde e da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (Uern), que reclamam do atraso no pagamento de salários, que causou a greve das categorias. Muito embora já estejam no terceiro dia de protesto, os servidores sequer receberam qualquer propostas, negociações ou apresentação de um prazo para o pagamento.

O juiz Bruno Lacerda justificou sua decisão explicando que, apesar de ser direito da população se manifestar livremente e de realizar greves, a ocupação está atrapalhando o funcionamento da Seplan, e o livre acesso para quem quiser transitar no local. Até o momento, todavia, os manifestantes não foram intimados.

Agora RN

Notícias relacionadas