menu

Brasil

29/05/2014


Grupo especializado em tráfico e homicídios é desarticulado

PERNAMBUCO

A Polícia Civil deflagrou, no início da manhã desta quarta-feira (28), a Operação Vietnã. O objetivo da ação é reprimir o tráfico de drogas e a prática de homicídios na Zona Oeste do Recife. A polícia nove mandados de prisão preventiva nos bairros de San Martin, Torrões, Roda de Fogo e na comunidade do Vietnã. Todos os suspeitos foram conduzidos à sede do Grupo de Operações Especiais (GOE), no Cordeiro, e de lá, encaminhados para o Cotel, em Abreu e Lima. À essa quadrilha, a polícia imputa a autoria de 27 homicídios.

Hoje, foram presos cinco homens e quatro mulheres. Além desses, há mais quatro pessoas indiciadas que já são detentos do sistema prisional do Estado. Além das prisões, a polícia ainda cumpriu nove mandados de busca e apreensão. A operação foi coordenada pelo delegado Joselito Kehrle, da Diretoria Integrada Especializada da Polícia Civil. Mais de 100 policiais, entre delegados, agentes e escrivães participaram da ação.

As investigações tiveram início há nove meses, efetuadas pela 3ª Delegacia de Homicídios, com assessoria do Núcleo de Inteligência de Homicídios da Polícia Civil. "Nós mapeamos 27 homicídios ocorridos na Zona Oeste e com isso identificamos essa quadrilha presa hoje. Os crimes são geralmente ligados à disputa territorial pelo tráfico de drogas. Há ainda a presença de detentos que comandavam o tráfico de dentro dos presídios", contou Kehrle.

A avaliação do delegado é de que a operação transcorreu tranquilamente e as prisões promoveram a imediata redução no número de homicídios da Zona Oeste do Recife. "Todos os homicídios remontam anos anteriores, mostrando que a quadrilha estava enraizada na região há algum tempo", explicou.

(NE10)

Notícias relacionadas