menu

Bahia

31/05/2016


Grupo ocupa Ministério da Saúde em Salvador em defesa do SUS

Um grupo que se diz ligado a movimentos populares e à defesa da saúde pública ocupa, desde o início da manhã de hoje (30), o edifício regional do Ministério da Saúde, no Centro de Salvador, em ação organizada por integrantes das Frentes Brasil Popular e Povo sem Medo, como “forma simbólica”, segundo eles, de defender o Sistema único de Saúde (SUS).

Uma das organizadoras do movimento Ocupa SUS, Polyana Loureiro, do Levante Popular da Juventude, explica que os serviços essenciais aos beneficiários estão mantidos no prédio, mesmo com a ocupação.

No facebook, uma carta pública foi divulgada na página do movimento, o Ocupa SUS, explicando os principais motivos pelos quais o grupo ocupou o prédio, criticando o governo interino de Michel Temer e o processo de impeachment que afastou a presidente Dilma Rousseff.

A assessoria de imprensa do Ministério da Saúde contou que algumas áreas do edifício funcionam normalmente, outras não. O órgão informou que pediu à Advocacia-Geral da União (AGU) uma ação reintegração de posse do local, já que se trata de uma instituição federal.

Há 13 dias, outro grupo de pessoas ligadas à cultura, como artistas, produtores e estudantes ocupou a sede regional do Ministério da Cultura, no Pelourinho, também em Salvador.

Notícias relacionadas