menu

Brasil

04/08/2016


Hoje começa delação de Odebrecht que pode abalar a república

O ex-presidente da empreiteira Odebrecht, Marcelo Odebrecht, deverá ser ouvido por pelo menos seis procuradores federais da Operação Lava Jato para tratar dos termos da delação premiada que está sendo negociada com o Ministério Público Federal.

A expectativa em torno da delação de Marcelo Odebrecht é grande, já que como ex-diretor de uma das maiores empreiteiras do país, o empresário poderá revelar detalhes sobre esquemas de corrupção que envolveriam todos os partidos políticos, incluindo os que hoje dão apoio ao governo do vice-presidente em exercício Michel Temer.

Marcelo, que está preso na carceragem da Polícia Federal em Curitiba, deverá ser levado para prestar o depoimento na sede da Procuradoria da República. Dentre os temas que deverão ser abordados estão o pagamento de caixa 2 para campanhas eleitorais, além do financiamento de obras no exterior nas quais a empreiteira possui participação.

O executivo já foi condenado em primeira instância por envolvimento nos crimes investigados pela Operação Lava Jato. Condenado a uma pena de 19 anos de reclusão, ele já está encarcerado a cerca de um ano.

Notícias relacionadas