menu

Brasil

07/01/2016


Lula: “o impeachment está morto, mas não enterrado”

Em encontro com a presidente Dilma Rousseff na noite de terça-feira, 5, o ex-presidente Lula disse que é preciso recompor a base no Congresso para ‘sepultar’ o movimento golpista da oposição. Segundo ele, o impeachment "está morto, mas não enterrado".

Ao lado do presidente do PT, Rui Falcão, e do ministro-chefe da Casa Civil, Jaques Wagner, Lula aconselhou a equipe do governo a divulgar medidas de estímulo à economia e recuperar o protagonismo político.

Segundo reportagem de Vera Rosa e Tânia Monteiro, a ideia é que Dilma dê mais entrevistas em cidades redutos do PT principalmente a rádios do interior, que divulgam a mensagem do governo e faça uma espécie de "road show" para entregar moradias do Minha Casa Minha Vida.

Notícias relacionadas