menu

Maranhão

26/09/2017


Mais de 60% dos maranhenses não praticam atividades físicas, diz Pnud

De acordo com um levantamento feito pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, só três em cada dez brasileiros adultos praticam atividades físicas e esportivas regularmente. O Relatório de Desenvolvimento Humano Nacional 2017 – Movimento é Vida mostrou que, em 2015, o índice de pessoas que não se exercitaram chegou a 62,1% no Brasil. O Maranhão ficou abaixo da média nacional: ao todo, 61,7% não praticaram atividades físicas. Um número alarmante, se comparado ao universo de cerca de 7 milhões de pessoas estimadas pelo IBGE.

“Os dados analisados reforçam a compreensão de que realizar atividade física e esportiva não se restringe somente a uma decisão individual, mas é também produto de como a sociedade pauta a vida coletiva. Isso significa que aconselhar os indivíduos a praticar mais exercícios, sem criar oportunidades efetivas para as pessoas se engajarem com as práticas, nem enfrentar os condicionantes sociais que limitam o envolvimento, dificilmente mudará o cenário”, aponta o relatório.

Ainda segundo o relatório, homens jovens, brancos, sem deficiências e de alto nível socioeconômico e educativo praticam mais atividades físicas e esportivas que o resto da população. Do outro lado da balança, mulheres de baixo nível socioeconômico e educativo, idosos e negros e pessoas com deficiência são a maioria entre os não praticantes.

No topo do ranking dos estados que mais possuem pessoas que praticam exercícios físicos, está o Distrito Federal, com 50,4%. Ao final da lista, Alagoas tem o menor percentual, com 29,4%.

O Imparcial

Notícias relacionadas