menu

Brasil

26/11/2015


MARIANA: Justiça bloqueia contas da mineradora Samarco

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais determinou o bloqueio das contas da mineradora Samarco, responsável pela barragem que causou o desastre em Mariana. No último dia 13, a Justiça determinou que a mineradora investisse 300 milhões de Reais na reparação dos danos causados as famílias vítimas da tragédia. Mas, segundo o juiz Frederico Esteves Duarte Gonçalves, apenas oito milhões de Reais foram encontrados nas contas da Samarco.

O magistrado afirmou que o dinheiro da mineradora simplesmente sumiu das contas, mesmo tendo no final de 2014, mais de dois bilhões de Reais em saldo. O pedido da Justiça é que as contas da Samarco sejam bloqueadas até que os 300 milhões estejam garantidos para o auxílio ás vítimas de Mariana. A mineradora Samarco é uma empresa da Companhia Vale e da australiana BHP.

Agência Rádio

Notícias relacionadas