menu

Brasil

12/08/2016


Ministro da Saúde leva bronca da própria filha

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, levou uma bronca da própria filha, Maria Victória, por ter dito que os homens procuram menos o atendimento médico por "trabalharem mais do que as mulheres".

"Pai, logo o senhor que tem duas mulheres como nós em casa, a vice-governadora do Estado do Paraná, Cida Borghetti, e eu, deputada estadual. Trabalhamos tanto quanto o senhor", disse ela, que é deputada estadual.

"Por mais que haja dados absolutos de que haja maior número de homens no mercado formal de trabalho, o IBGE afirma que as mulheres trabalham em média cinco horas a mais do que os homens. Portanto, uma jornada de trabalho mais longa. E não precisa de dados para mostrar o quanto as mulheres trabalham nesse Brasil inteiro. Depois de trabalhar o dia inteiro fora de casa, as mulheres ainda precisam trabalhar em casa, a chamada jornada dupla. Não é isso, mulherada?", questionou. 

Notícias relacionadas