menu

Internacional

06/07/2015


Ministro das Finanças da Grécia pede demissão após vitória do não

O ministro das Finanças grego, Yanis Varoufakis, pediu demissão hoje (6), depois de o não ter vencido no referendo nacional desse domingo (5), informam as agências internacionais.

Ele disse que pouco depois de serem anunciados os resultados do referendo, foi informado de certa preferência de alguns participantes do Eurogrupo, e de vários parceiros, pela sua ausência nas reuniões. "Uma ideia que o primeiro-ministro considerou ser potencialmente útil para que conseguisse chegar a um acordo. "Por esse motivo, deixo o Ministério das Finanças hoje”, disse Varoufakis, em seu blog, depois de ter feito o anúncio em sua conta no Twitter.

O não às propostas dos credores obteve 61,31% no referendo, segundo números definitivos divulgados pelo Ministério do Interior.

Com a totalidade dos votos contados, o sim foi a escolha de 38,69% dos gregos, enquanto 5,8% foram brancos ou nulos.

A abstenção foi 37,5%, em um universo de quase 10 milhões de eleitores.

Agência Lusa

Notícias relacionadas